Transtorno de Personalidade AntiSocial: Causa e Tratamento

Tudo Sobre Transtorno de Personalidade AntiSocial

TRANSTORNO DE PERSONALIDADE ANTISSOCIAL

TUDO SOBRE TRANSTORNO DE PERSONALIDADE ANTISSOCIAL

Transtorno de personalidade antissocial é um tipo de condição mental crônica em que os caminhos de uma pessoa pensar, de perceber as situações e relacionar com os outros são disfuncionais – e destrutivo.

Pessoas com transtorno de personalidade antissocial tipicamente não têm nenhuma consideração para de certo e errado, muitas vezes ignoram os direitos, desejos e sentimentos dos outros.

Aqueles com transtorno de personalidade tendem a hostilizar, manipular ou tratar os outros ou duramente ou com indiferença. Eles podem muitas vezes violar a lei, aterrissando com problemas frequentes, mas eles não mostram nenhuma culpa ou remorso.

Eles podem mentir se comportam violentamente ou impulsivamente, e têm problemas com o uso de drogas e álcool.

Estas características normalmente fazem as pessoas com transtorno de personalidade bipolar, incapaz de cumprir as responsabilidades relacionadas com a família, o trabalho ou escola.

regime-blog-br-transtorno-de-personalidade-antisocial-causa-e-tratamento

>> Recomendamos Para Você:

 

(VÍDEO) O que são Transtornos de Personalidade?

 

(VÍDEO) Transtorno de Personalidade 1 – Classificação das Doenças em Psiquiatria

 

Saiba tudo sobre Transtorno de Personalidade – Assista ao vídeo abaixo:

 

> SINTOMAS

Sinais de transtorno de personalidade antissocial e sintomas podem incluir:

– Desconsideração de certo e o errado
– Mentira persistente ou engano para explorar os outros
– Usando charme ou inteligência para manipular os outros para ganho pessoal ou para o prazer pessoal puro
– Egocentrismo intenso, sensação de superioridade e exibicionismo.
– Dificuldades recorrentes com a lei
– Repetidamente violar os direitos dos outros pelo uso de intimidação, desonestidade e falsidade ideológica.
– O abuso de crianças ou negligência
– A hostilidade, irritabilidade importante, agitação, impulsividade, agressividade ou violência
– Falta de empatia pelos outros e falta de remorso sobre prejudicar os outros
– Assunção de riscos desnecessários ou comportamentos perigosos
– Relações pobres ou abusivas
– Comportamento no trabalho Irresponsável
– A falta de aprender com as consequências negativas do comportamento

 

Sintomas do transtorno de personalidade borderline antissocial podem começar na infância e são totalmente evidentes para a maioria das pessoas durante os seus 20 e 30 anos.

Em crianças, a crueldade com os animais, o comportamento bullying, impulsividade ou explosões de raiva, isolamento social, e mau desempenho escolar podem ser, em alguns casos, os primeiros sinais da doença.

Apesar de ser considerado uma doença ao longo da vida, alguns sintomas – comportamento particularmente destrutiva e criminal e o uso de álcool ou drogas – pode diminuir ao longo do tempo, mas não é claro se esta redução é resultado do envelhecimento ou uma maior consciência das consequências do comportamento antissocial.

 

> CAUSAS

A personalidade é a combinação de pensamentos, emoções e comportamentos que faz todo o mundo único.

É a forma como as pessoas veem, entendem e se relacionam com o mundo exterior, bem como a forma como eles se veem.

Formas de personalidade durante a infância, em forma através de uma interação desses fatores:

– Genética. Estas tendências herdadas são aspectos da personalidade de uma pessoa repassados pelos pais, tais como timidez ou ter uma perspectiva positiva. Isso às vezes é chamado temperamento.

Ambiente. Isso significa que o ambiente de uma pessoa cresce em eventos que ocorreram, e as relações com os membros da família e outros.

Os transtornos de personalidade são pensados para ser causados por uma combinação dessas influências genéticas e ambientais.

Algumas pessoas podem ter genes que as tornam vulneráveis ao desenvolvimento de transtorno de personalidade antissocial – e situações de vida podem desencadear o seu desenvolvimento.

 

(VÍDEO) Transtorno de Personalidade Borderline

 

> TRATAMENTOS

Transtorno de personalidade antissocial é muito difícil de tratar. As pessoas com este transtorno não podem mesmo querer tratamento ou acham que não precisam.

Mas as pessoas com transtorno de personalidade paranoide precisa de tratamento e acompanhamento de perto em longo prazo.

Pessoas com transtorno de personalidade também podem precisar de tratamento para outras condições, tais como depressão, ansiedade ou uso de substâncias.

Provedores de saúde médicos e mentais com experiência no tratamento de transtorno de personalidade anti-social e condições comumente associadas são mais susceptíveis de ser útil.

O melhor tratamento ou combinação de tratamentos depende da situação e da gravidade dos sintomas em particular de cada pessoa.

– Psicoterapia. Psicoterapia, também chamada de terapia da conversa, às vezes é usada para tratar transtorno de personalidade antissocial.

A psicoterapia nem sempre é eficaz, especialmente se os sintomas forem graves e a pessoa não pode admitir que ele ou ela contribuísse para os problemas.

– Medicamentos. Não existem medicamentos especificamente aprovadas para o tratamento de transtorno de personalidade histriônica.

No entanto, vários tipos de medicamentos psiquiátricos podem ajudar com certas condições, por vezes associados com transtorno de personalidade antissocial ou com sintomas como agressividade.

Estes medicamentos podem incluir antipsicóticos, antidepressivos ou medicamentos estabilizadores do humor.

Eles devem ser prescritos com cautela, pois alguns têm o potencial para uso indevido.

ATUALIZADO: 30.11.16 (INFOGRÁFICO)

 

medico-emagrecer-mulher-projeto-novo-1-197x300_mini

 

>> >> RECOMENDAMOS PARA VOCÊ:

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *